COMEC

Notícias

07/10/2019

União quer vender mais de cem imóveis na região de Curitiba - João Frey para a Gazeta do Povo

Foto aérea de Curitiba
Vista aérea de Curitiba| Foto: Henry Milleo/Gazeta do Povo

Dos 3.775 imóveis que o governo federal quer vender em todo o Brasil com o objetivo de arrecadar R$ 36 bilhões, mais de cem estão localizados em Curitiba e região. Para vender esses ativos, o governo vai contar com o auxílio da Comec, autarquia do governo do Paraná que coordena as questões urbanas da Região Metropolitana de Curitiba.

Segundo informações da Comec, o governo tem a relação dos imóveis de sua propriedade a serem vendidos, mas tem poucos dados sobre o potencial de venda de cada imóvel e as características da região onde estão localizados. A função da Comec nesse acordo será o aporte de conhecimento sobre a realidade local.

“Nossa intenção é justamente ser um apoiador da proposta colocando a equipe técnica da Comec e expertise em processos de uso e ocupação do solo à disposição do Governo Federal. A partir de agora teremos reuniões técnicas junto a Secretaria de Desestatização na identificação desses imóveis, seu potencial de mercado e o melhor formato de liquidação”, diz Gilson Santos, presidente da autarquia.

Entre os ativos que a União tem interesse de vender estão terrenos, casas e edifícios inteiros em regiões nobres de Curitiba, como Jardim Social, Cabral e Bigorrilho.

O acordo foi feito na quarta-feira (2) em reunião realizada entre o presidente da Comec e Eduardo Araújo Jorge, diretor da Secretaria Especial de Desestatização do Ministério da Economia.
"por João Frey
[05/10/2019] [18:01]"
Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/vozes/joao-frey/imoveis-uniao-curitiba-comec/
Copyright © 2019, Gazeta do Povo. Todos os direitos reservados.

Fonte: Gazeta do Povo

Arquivo anexado:

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.